segunda-feira, 17 de abril de 2017

Um Conto de Páscoa


Olá, olá.

Vou contar uma anedota de infância que eu sempre me lembro na Páscoa: quando eu tinha uns 6-8 anos, meus pais me levavam pra passear no shopping nesses períodos festivos (aniversário, dia das crianças, Natal, Páscoa) e minha mãe fazia uma coisa que era de praxe. Ela me levava nas Lojas Americanas ou lojas do tipo e me dizia "Jacque, pega tudo o que você ganhar e faz uma pose bem bonita" aí eu ia, enchia meus bracinhos com tudo o que queria de presente, minha mãe tirava uma foto bem bonita (dessas de filme Kodak, cujo rolo cabia umas 36 fotos) e depois dizia que eu tinha que escolher um presente pra levar pra casa (se fosse algo caro ela me fazia mudar de ideia até escolher o mais barato, hue!) e era isso aí. Tinha a foto com tudo o que eu gostaria e a realidade de ter ficado com um só e dar graças a Deus por ter uma mãe democrática a ponto de deixar eu escolher o presente que queria. Contando essa história no trabalho, alguns colegas recriminaram minha mãe pela maldade que ela fazia. Fiquei chocada com a atitude deles! Minha mãe fez a coisa certa pro bolso dela e pra minha educação, certíssima ela! Cresci dando razão a ela e agradecendo essas limitações. A vida adulta limita a gente de forma ainda pior, não é mesmo? E na vida adulta não tem mamãe registrando as coisas boas e nos dando a opção de escolha. A gente se fode sozinho e as coisas ruins vem aleatoriamente e nos cabe ser maduros e racionais para poder pôr as coisas em ordem. A moral da história pode ser essa... Obrigada, mãe!

6 comentários:

  1. Dá sua ideia, por favor.
    Como eu devo divulgar isso? De forma escrita ou falada? Aqui uma parte de uma poesia minha:

    Devasto as galerias tão frias cuspo grafias em vias
    Espalho crias nas linhas trilhas discografias
    Arrasto lp's, ep's cds, dvds
    Cachês, clichês, surdez, vocês? não desta vez!
    Esmago boicotes com estrofes de grandes portes
    Dão cortes nos flogs
    Poetas pobres em montes dão choques em hip pops
    Versos ferozes em vozes dão mortes aos tops blogs
    Repente forte do sul ao norte sacode em trotes galopes

    ResponderExcluir
  2. Barra de chocolate ou caixa de bom bom valem mais do que um ovo!

    ResponderExcluir
  3. O que você faz que pode ser considerado um hobbie pra você além do blog?

    ResponderExcluir
  4. Bela estória Michele

    ResponderExcluir
  5. Eu escrevo mini histórias com rimas, o que acha disso?

    Por exemplo, em 5,6 linhas eu narro um momento da vida. Ai claro, são várias coisas que eu narro, juntando tudo dá um monte de histórias, rimas e palavras.

    ResponderExcluir

Não fale com os outros o que não gostaria que falassem com sua mãe.